Festim Medieval

No próximo dia 24 de junho, a vila da Sertã vai viver a recriação de um Festim Medieval no seu castelo. Este evento tem como finalidade comemorar o Feriado Municipal a 24 de junho, que é também a data de nascimento de Nuno Álvares Pereira (hoje São Nuno de Santa Maria), recriando o ambiente social e económico do século XIV.

Do vasto programa agendado para este festim contam-se a leitura da Carta De Feira, às 12h45m, que abrirá o Festim Medieval no Castelo da Sertã, animação de rua com Pifaradas, Zabumbadas, jogos medievais, mercado medieval e desfile pelas artérias da vila com roupas da época, com destaque para o momento em que se verificará a chegada de D. Nuno Álvares Pereira ao castelo. Haverá representações teatrais, animação musical, demonstração de Falcoaria, Danças Medievais, Combate na Liça e Malabarismo com Fogo.

A realização deste evento irá provocar algumas condicionantes no trânsito automóvel e no estacionamento de viaturas. Assim, no dia 24 de junho, das 7h às 24h a Rua do Castelo e a Rua Serpa Pinto e respetivas transversais estarão interditas a trânsito e estacionamento de automóveis. Por seu lado, a Rua Cândido dos Reis (vulgo Rua do Vale) estará igualmente interdita a trânsito e estacionamento de automóveis no mesmo dia, 24 de junho, das 14h30m às 16H. Desde já o Município da Sertã apela à colaboração e compreensão de todos para as referidas condicionantes no trânsito para que o Festim Medieval seja um sucesso.

O Festim Medieval da Sertã é promovido pelo Município da Sertã e conta com a participação das escolas do Concelho, da Associação de Pais e Amigos dos Escuteiros e Corpo Nacional de Escutas (Agrupamento 170 da Sertã e Agrupamento 721 de Cernache do Bonjardim). (ver abaixo o programa completo)

Figura indelével da História de Portugal, Nuno Álvares Pereira nasceu em 1360, nos Paços do Bonjardim, em Cernache do Bonjardim, Concelho da Sertã. Filho de D. Álvaro Gonçalves Pereira e Iria Gonçalves, Nuno Álvares Pereira foi nobre, guerreiro e carmelita e apoiou as pretensões de D. João Mestre de Avis (D. João I) à coroa, tendo desempenhado um papel decisivo durante a crise de 1383-1385: as vitórias nas batalhas de Atoleiros, Aljubarrota e Valverde garantiram a consolidação da independência portuguesa face ao reino de Castela.

Após o falecimento de sua esposa, Nuno Álvares Pereira ingressou na Ordem dos Carmelitas em 1423, no Convento do Carmo que mandara construir em Lisboa, para cumprir um voto. Tomou o nome de Irmão Nuno de Santa Maria. Faleceu a 1 de novembro de 1431. Foi beatificado em 1918 pelo Papa Bento XV. O processo de canonização foi iniciado em 1921 mas sofreu uma interrupção em 1940. Em 2004, foi retomado o processo e a 26 de abril de 2009 D. Nuno Álvares Pereira foi canonizado como São Nuno de Santa Maria pelo Papa Bento XVI, em Roma.

 Em 2004, foi retomado o processo e a 26 de abril de 2009 D. Nuno Álvares Pereira foi canonizado como São Nuno de Santa Maria pelo Papa Bento XVI, em Roma. Ligadas a Nuno Álvares Pereira estão outras figuras históricas: Álvaro Gonçalves Camelo e Gonçalo Rodrigues, entre outros. Álvaro foi fidalgo e homem de armas de Nuno Álvares Pereira que comandou a retaguarda na Batalha de Valverde. Foi Prior da Ordem do Hospital. Está sepultado na Igreja Matriz da Sertã. Gonçalo Rodrigues, amigo de Nuno Álvares Pereira, foi armado capitão por D. João I, tendo participado na Batalha de Aljubarrota onde ganhou um novo apelido: Caldeira. Uma das ruas da vila da Sertã recebeu o seu nome: Avenida Gonçalo Rodrigues Caldeira.

 

Festim Medieval – 24 de junho – Castelo da Sertã

Programa

12H45M - Leitura da Carta de Feira - abertura do “Festim Medieval da Sertã”

13H - Abertura do mercado medieval

- Animação de Rua

- Pifaradas e Zabumbadas

- Jogos Medievais

15H - Desfile pelas artérias da Vila

16H - Chegada de Nuno Álvares Pereira ao Castelo

16H10M - Demonstração de Falcoaria

16H30M - Teatro de Rua (IVS)

16H45M - Animação Musical (Agrupamento de Escolas da Sertã)

17H15M - Demonstração de Falcoaria

17H45M - Demonstração de Dança Medieval (Agrupamento de Escolas da Sertã)

18H - Grupo de Flautas e Tambores (IVS)

18H15M - Danças Medievais (ETPS)

18H30M - Demonstração de Falcoaria

19H - Saída de Nuno Álvares Pereira

21H - Música Medieval: Grupo Coral Polifónico de Penela

22H - Demonstração de Armas Medievais e Combate na Liça

23H - Grupo de Fogo

Encerramento.

 

                                                                                                          "Informação recolhida no Site do Município da Sertã"

anterior